Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Monkeypox

Publicação:

monkeypox
monkeypox

O que é? 

A Monkeypox é uma doença causada pelo vírus Monkeypox. 

Sintomas principais: 

Erupção cutânea (lesões, bolhas, crostas) em diferentes formas. Podem afetar todo o corpo, incluindo rosto, palmas e plantas e órgãos genitais. 

Outros sintomas frequentes: 

Febre, dor de cabeça, inchaço dos gânglios linfáticos, dor nas costas, dores musculares e falta de energia. Todas as pessoas que forem expostas ao vírus podem se infectar e desenvolver a doença, independentemente de idade, sexo ou outras características. 

Como é transmitida? 

A Monkeypox é transmitida principalmente por meio de contato direto ou indireto com gotículas respiratórias (saliva, muco nasal), mas principalmente através do contato com lesões de pele de pessoas com monkeypox ou com objetos e superfícies contaminadas. O período de transmissão da doença se encerra quando as crostas das lesões desaparecem. 

Como prevenir? 

Fazendo o uso de máscaras e higienizando as mãos. 

Para profissionais de saúde, seguir a NOTA TÉCNICA GVIMS/GGTES/DIRE3/ANVISA Nº 03/2022 / ORIENTAÇÕES PARA PREVENÇÃO E CONTROLE DA MONKEYPOX NOS SERVIÇOS DE SAÚDE.

O que fazer se você sentir os sintomas? 

Procure a Unidade Básica de Saúde mais próxima para atendimento.

Materiais que podem ser impressos e distribuídos aos usuários pelas equipes, utilizados em ações de educação em saúde ou enviados por meio eletrônico.

Monkeypox - orientações básicas

Monkeypox - durante o isolamento em casa, o que fazer?

OPAS

OPAS: Varíola dos macacos

OPAS: Alerta Epidemiológico Varíola do macaco em países não endêmicos - 20 de maio de 2022

Ministério da Saúde

Ministério da Saúde - Monkeypox

SALA DE SITUAÇÃO | MONKEYPOX Ministério da Saúde

NOTA TÉCNICA GVIMS/GGTES/DIRE3/ANVISA Nº 03/2022

ORIENTAÇÕES PARA PREVENÇÃO E CONTROLE DA MONKEYPOX NOS SERVIÇOS DE SAÚDE

NOTA TÉCNICA No 60/2022/SEI/COVIG/GGPAF/DIRE5/ANVISA

Orientações sobre Evento de Saúde Pública relacionado à disseminação de doença causada pelo vírus Monkeypox para atuação em portos, aeroportos e fronteiras

NOTA INFORMATIVA Nº 6/2022-CGGAP/DESF/SAPS/MS

Trata-se de orientações às equipes que atuam na Atenção Primária à Saúde acerca da doença Monkeypox (MPX)

NOTA TÉCNICA Nº 46/2022-CGPAM/DSMI/SAPS/MS

Nota Técnica de recomendações sobre Monkeypox no Ciclo Gravídico-puerperal.

NOTA TÉCNICA Nº 21/2022-CGSAT/DSAST/SVS/MS 

Orientações Gerais à Renast e demais interessados sobre as ações de Vigilância em Saúde do Trabalhador nos casos de Monkeypox.

Plano de Contingência Nacional para Monkeypox 

Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública: COE Monkeypox

Secretaria Estadual da Saúde RS

NOTA INFORMATIVA CONJUNTA CEVS/DAPPS No 2/2022

Orientações para vigilância epidemiológica de Monkeypox ou “varíola dos macacos”

ALERTA EPIDEMIOLÓGICO 

Evento: Situação epidemiológica da Monkeypox no Rio Grande do Sul e Declaração de Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional (ESPII) pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Porto Alegre, 10 de agosto de 2022.

Outras informações, consulte:

Secretaria Estadual da Saúde RS


TelessaúdeRS

Monkeypox: o que é e quando suspeitar?

Profissionais da APS podem acessar materiais sobre o agravo no site do TelessaúdeRS, bem como utilizar a Teleconsultoria: 0800 644 6543.

Saiba mais em:

https://www.ufrgs.br/telessauders/

Sugestão de Curso correlato

Dermatologia na Atenção Básica - UNASUS - Universidade Federal de São Paulo

Webinar - Monkeypox: o que o profissional de saúde precisa saber?

Ministério da Saúde

Por favor, aguarde até que o procedimento seja concluído.

Carregando
Matriz PROCERGS versão 2.0